FÓRUM EVANGÉLICO
Paz do Senhor Jesus.

Por favor, cadastre-se e ajude-nos a manter uma boa colocação no google, espalhando com isso, o evangelho do Senhor Jesus, para juntos, mostrarmos que o verdadeiro evangelho, não se parece nem um pouco com o que vem ocorrendo hoje.

Toda Honra e Glória ao Senhor,
Equipe Apologética

Dicas para a Santa Ceia

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Dicas para a Santa Ceia

Mensagem  drtoivowillmann em Qua Ago 22, 2012 2:29 pm

Irmãos:

Participar na Santa Ceia é um mandamento, Yehoshua o Cristo disse(Lucas 22,19):
“Fazei isso na minha memória!”
e traz para vos benefício (João 6,35): “Eu sou o Pão da Vida.”

Como celebra-se mais corretamente?
* O que vem primeiro: o pão ou o vinho?
Mateus 26,26; Marco 14,22; João 6,53: o pão (alias a carne do Senhor);
Lucas 22,17: o vinho.
Conclusão: 3 de 4 Evangelistas optam, pelo pão para ser oferecido primeiro,
porem ambas alternativas são lícitas.

* Vinho de verdade ou suco de uva sem fermentar?
Lucas 22,17 não deixa dúvida que Yehoshua usou vinho mesmo:
“Tomai o vinho e reparti-o entre vos!”
Os outros Evangelistas apenas falam do fruto da videira (Mateus 26,29; Marco
14,25), João não diz nada ao respeito.
Conclusão: para o Espírito Santo, que inspirou os Evangelistas foi importante que a
bebida seja feita da uva, usar por exemplo suco de laranja é realmente ilícito.
Fermentado ou não é de secundária importância, para Deus.

Beber álcool não é pecado ? Se tu não és alcoólatra: não!
João 2,9 não deixa dúvida que Cristo, o Homem sem Pecado, transformou na Boda
de Canaã água em vinho mesmo.
São Paulo (1 Timóteo 5,23) inclusive vai tão longe de recomendar bebida alcoólica
como remédio: “Não bebais apenas água, mas toma um pouco de vinho, em
consideração ao teu estômago e seus distúrbio frequentes.”

Qual vinho ou suco: tinto, rosado, branco?
A Bíblia na dá instruções ao respeito, pois será segundo vosso próprio crtério.

Quando é ilícito usar o próprio vinho?
“Mas se está na Bíblia...” Calma!
Mateus 6.13: “Não nos leves à tentação, senão livra-nos do Mal!”
Dar bebida alcoólica a Menores de Idade, no Brasil, é crime. Quando Menores de
Idade tomarem a Santa Ceia, pois, não se pode.
Apenas uma gota só de álcool pode provocar no ex-alcoólatra uma recaída à
doença/pecado (por ter se tornado vício). Quando existir o risco, que alguém na congregação
tenha tido no passado problema com a bebida, não se pode tampouco.

Conclusão: vinho é mais autêntico, suco sem fermentar é menos arriscado.

* Qual é o pão certo?
Eu já vi quase de tudo, apenas pão de queijo e bolo de chocolate até agora nunca me
ofereceram como Corpo de Cristo. Uma bagunça!
Era época da Páscoa, todos os Judeus, inclusive Yehoshua, Filho de Deus, usavam
pão sem fermentar.
Levítico 2,11: “Jamais uma oferenda de alimento ao Senhor pode ser feita com massa
fermentada!”

Composição certa: farinha pura (não pode ser integral), agua, azeite permitido
(Levítico 2,4/5), sal é obrigatório (Levítico 2,13): “Qualquer oferenda de alimento
deves salgar!”

Não tem dúvida, que a Santa Ceia, sendo Yehoshua o Cordeiro de Deus sacrificado é
uma oferenda de alimento (não um holocausto, pois Cristo não foi incinerado) a Deus,
para comprar a nossa dívida com o Santíssimo.

O uso de pão de sal, pão de forma e produtos semelhantes, repletos de fermento
biológico é incorreto.


Católicos, será que falta sal nas suas hostias ?

O ideal é fácil de conseguir: fundo de pizza feita com massa de azeite: farinha de
trigo, azeite, sal, água e mais nada! Pode ser preparado em casa, tem muitos hobby-
pizzaiolos com suas receitas. Pode ser comprado pronto no supermercado (vida bula,
para evitar que haja fermento biológico. Umas padarias oferecem o produto como
“Pita, o pão da Síria”.
A segunda opção mais boa e barata é bolacha salgada (“cracker”), vide bula: farinha
de trigo, sal, gordura vegetal, bicarbonatos, nada de fermento biológico uns aditivos
com lecitina e água.

Conclusão: se é tão fácil fazer certo, por quê continuar fazendo errado?

* Quem quebra/parte o pão e quando?
Isaias 53,5: “... pelas nossas transgressões foi triturado/esmagado.”
Partir o Corpo de Cristo é mais do que reparti-lo: simboliza o Calvário seguido pela
Crucificação. È importante e parte da própria cerimônia.
Participante, não coloques na boca o teu pedaço do Corpo de Cristo, repartido
provavelmente muito antes da cerimônia, sem parti-lo tu mesmo pelo menos em 2
partes, pensando durante o ato “Cristo foi crucificado por causa de mim” !

Agora podes ter certeza que tomaste a Santa Ceia dignamente, como o Apostolo
Paulo falou em Coríntios 11,26: “... anunciais a Morte do Senhor, até Ele voltar.”

* E a Prece das Graças, qual tema?
Antes de partir o pão ou passar o cálice Yehoshua cada vez realiza uma Prece de
Louvor e Agradecimento (Mateus 26,26/27).
O tema? Que tal a Criação: louvar Deus pela Sua criação, como falado no tópico
anterior. Faz sentido pois trigo e videira são criaturas Dele.

* A Santa Ceia não é um chiclete e não se deve esticar.
Mateus 6,7: “Quando rezareis, não façais “bla-bla”, com os gentis!”
O Senhor foi claro aqui, não foi?
Por quê então umas Santas Ceias evangélicas, com o Pastor falando muito/de mais,
demora tanto, que os pensamentos dos participantes correm risco de se desviarem?
Sé breve, chega ao ponto! Isso também é dignidade da Santa Ceia.

* A cerimônia em se:
Não deis muitas voltas, melhores instruções que Mateus 26,26 a 28 ou Marco 14,22
a 24 não existem!

Então, até a próxima Santa Ceia, Very Happy
abençôo-os no Nome de Yehoshua: Toivo

drtoivowillmann

Mensagens : 9
Pontos : 25
Data de inscrição : 25/07/2012

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo


 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum