FÓRUM EVANGÉLICO
Paz do Senhor Jesus.

Por favor, cadastre-se e ajude-nos a manter uma boa colocação no google, espalhando com isso, o evangelho do Senhor Jesus, para juntos, mostrarmos que o verdadeiro evangelho, não se parece nem um pouco com o que vem ocorrendo hoje.

Toda Honra e Glória ao Senhor,
Equipe Apologética

A VERDADE CONTIDA EM UM GRÃO DE MOSTARDA

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

A VERDADE CONTIDA EM UM GRÃO DE MOSTARDA

Mensagem  Equipe Apologética em Ter Dez 27, 2011 12:38 pm




A VERDADE CONTIDA EM UM GRÃO DE MOSTARDA

Transcrevem-se a seguir duas conhecidas passagens bíblicas que falam de grão de mostarda e de montes:

Evangelho segundo Mateus, capítulo 17, versículo 20 : "Pois em verdade vos digo que, se tiverdes fé como um grão de mostarda, direis a este monte: Passa daqui para acolá, e ele passará."

Primeira epístola de Paulo aos Coríntios, capítulo 13, versículo 2: "Ainda que eu tenha tamanha fé, ao ponto de transportar montes, se não tiver amor, nada serei".

A seguir, faz-se um apanhado relacionado com o conteúdo energético de um grão de mostarda e de um monte com dimensões conservadoras, para finalmente fazer-se uma interrogação específica sobre os textos citados, a qual tem a ver com a controvérsia entre o Evolucionismo e o Criacionismo, entre o acaso e o desígnio!.

1 – ENERGIA CONTIDA EM UM GRÃO DE MOSTARDA

A energia contida em um grão de mostarda pode ser calculada supondo-se que a sua massa seja igual a 1 grama, e que toda ela pudesse ser transformada em energia mediante a célebre expressão obtida por Einstein:

e = m . c2

onde e é a energia, m é a massa, e c é a velocidade da luz, igual a 300.000 quilômetros por segundo.

Aplicando-se essa expressão, usando os valores acima, obtém-se para a energia contida em um grão de mostarda o valor

e = 9.1013 joules

2 – ENERGIA NECESSÁRIA PARA TRANSPORTAR UMA MONTANHA

A energia necessária para transportar uma montanha pode ser considerada, a grosso modo, equivalente à energia potencial nela contida. Essa energia potencial é calculada mediante a expressão

e = m . g . h

onde e é a energia, m a massa da montanha, e h a altura do seu centro de gravidade.

Aplicando-se essa expressão, usando-se para a massa da montanha o valor de 90 milhões de toneladas, que corresponderia aproximadamente ao volume de uma pirâmide de base quadrada com 1000 metros de lado e 300 metros de altura, com seu centro de gravidade localizado ao nível de 100 metros, obtém-se para a sua energia potencial o valor

e = 9.1013 joules

3 . ACASO OU DESÍGNIO?

Numerosas alternativas poderiam ter sido utilizadas por Cristo no contexto da passagem do Evangelho segundo Mateus na qual é quantificado o poder da fé. Dentre elas, decidiu Ele comparar um pequenino grão de mostarda com uma enorme montanha.

Fica aqui então a indagação – foi isso um mero acaso, ou aí estava um desígnio que antecipou por vinte séculos o próprio desenvolvimento do conhecimento humano?

Nossa resposta não deixará também de ser uma questão de fé!


Pipe Desertor (http://descontradizendocontradicoes.blogspot.com/search/label/Mateus)
avatar
Equipe Apologética
Admin

Mensagens : 148
Pontos : 426
Data de inscrição : 11/11/2011
Localização : RUA CORONEL XAVIER DE TOLEDO, 65 - LOJA 8D - CENTRO - SÃO PAULO

Ver perfil do usuário http://www.forumevangelico.org

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo


 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum